Pular para o conteúdo principal

Confira a programação de hoje da Felis



DIA 09 DE NOVEMBRO
(quarta-feira)

CAFÉ LITERÁRIO
Local: Centro de Criatividade Odylo Costa, filho
17h – Sarau Musical "Brilhando no Café"
Realização: Curso de Licenciatura em Música - DEART – UFMA
17h30 – Bate-Papo Literário "Gonçalves Dias e sua influência na literatura caxiense"
Debatedores: Raimundo Nonato Medeiros, Frederico Brandão, Antônio Augusto Brandão, Arthur Almada Lima Filho, Jaqcques Inandy Medeiros, Silvana Meneses, José de Ribamar Correa Filho, Quincas Vilaneto,
Mediador: Wybson Carvalho
19h – Sarau Café com Canção
Realização: Curso de Licenciatura em Música da Universidade Estadual do Maranhão - UEMA

PALCO FELIS
Local: Praça Nauro Machado
14h – O leão e o ratinho - UEB Nossos amiguinhos
15h – O mundo mágico da Leitura - Jeif Karaf
16h – Baú de Histórias – Xama Teatro
17h – Ritmos Urbanos – Luís Werico
18h – Palco Aberto
19h – O Milagre das Bodas de Canãa – Cena Aberta
20h - Clarins ao Vento – André Roberto

CONFERÊNCIAS
Local: Praça Nauro Machado
Horário: 20h
Palestrante: Márcia Tiburi (SP)
Tema: Literatura, Filosofia e Política
Mediador: Francisco Gonçalves (doutor em comunicação e cultura)
CASA DO ESCRITOR MARANHENSE – LANÇAMENTO DE LIVROS
Local: Vila dos Livros/Praça Casa do Maranhão
14h - "Uma amiga especial (braile)/ O gatinho curioso", Neuzimar de Maria Mandú; "Contos do cotidiano", Emanuelle Ferreira; "História de Paço do Lumiar em cordel/Antologia de escritores e poetas ''A.L.P.L'' - Ferreira da Silva
15h - "Historinhas do grilo Pitchulinho", Ronaldo Kroeff Daghawi
16h - "O saci da perna metálica"- Lourença Araújo
16h40 – "Cozinhando osso" - António Lobato Mello
17h10 - "Seu Rei Mandou" - Luciano Pontes
17h40 – "Desaparecida (Da série: Os Segredos de Uma Jovem Espiã)" - Déa Alhadef
18h10 – "São Luís 404 anos" - Adauto Silva França
19h - "A cachoeira encantadas e as araras" - Camila Maria e Vinícius José
20h - "Conhecendo divertidamente os alimentos" - Martha Reis Sousa
ESPAÇO JOVEM
Local: Vila dos Livros/Praça Casa do Maranhão
13h - Apresentação das Adolescentes do CJ Florescer - Projeto Maranhão: sua história em Músicas, Versos e Lendas - FUNAC
13h30 - Roda de Conversa: São Luís, Ilha Rebelde? Os desafios do Movimento Estudantil
Convidados: Marcia Cordeiro, Movimento Universitário Guará, CES, MEI
Mediador: Werberson Fernandes - COMJOVEM
15h - Oficina: "Liderança Juvenil"
Facilitador: Jhonathan Rocha
15h - Oficina Educação Financeira
Facilitadores: Adolescentes do Projeto Geração – Plan International
15h30 - Oficina: "Liderança Juvenil"
Facilitador: Jhonathan Rocha
16h - Papo Jovem: Relato de Experiência da Rede de Educação Integral – REI/São Luís
Convidados: Grupo Gestor da REI/CIEDS, Instituições da REI
Mediador: Movimento Universitário Guará
17h - Bate-papo com juventude: Duda Veloso
Mediador: Projeto Literatura Mútua
18h - Apresentação Artística dos adolescentes do SCFV - SEMCAS
19h30 - Apresentação Cultural dos Grupos de Jovens da Igreja
CASA DO PROFESSOR
Local: Auditório da Defensoria Pública do Estado do Maranhão
14h às 16h - Mesa Redonda: Caminhos para melhoria do ensino de Matemática.
Participantes: Prof. Doutorando Carlos André Bogéa Pereira, Prof. Especialista Marcos dos Santos Souza, Prof. Especialista Pedro de Alcântara Lima Filho e Profa. Doutoranda Waléria de Jesus Barbosa Soares.
Coordenadora: Profa. Mestranda Maria Rosinete Furtado Cantanhede
16h às 17h – Relato de experiência: Um novo olhar pedagógico em relação às quatro vertentes antissociais: indisciplina, bulling, violência escolar e drogas.
Palestrantes: Marcia Cristina Sá Netto e Jossilene Louzeiro Alves – professoras da UEB Dr. Neto Guterres
Local: Escola de Cinema – Unidade Vocacional Praia Grande
14 às 17h - Oficina: Brincar de Contar e Contar de Brincar
Ministrante: Luciano Pontes
Local: Auditório da Associação Comercial do Maranhão
14h às 16h30 – Roda de Conversa: SEMED 50 anos: histórias e memórias da educação pública municipal de São Luís
Participantes: Ex-secretários municipais de Educação
16h30 às 17h30 – Palestra: J'Apprens, Donc Je Suis (Aprendo, Logo Existo), com lançamento do livro e sessão de autógrafos.
Palestrante: Mara Welferinger (professora e tradutora)
IX SEMINÁRIO DE POLÍTICAS PÚBLICAS DE LEITURA, BIBLIOTECAS E INFORMAÇÃO
Local: Auditório do Centro de Criatividade Odylo Costa, filho
8h às 9h30 - Comunicações Orais - Mediadora: Profª Msc. Raimunda Ramos Marinho (UFMA)
9h - Palestra: Narrativas Visuais: Caminhos da Leitura – Palestrante: Escritor Luciano Pontes (Editora Meias Palavras)
9h30 às 12h - Mesa 2: Livro, Leitura e Biblioteca: uma questão de Políticas Públicas - Profª Msc Felipe Camarão (SEDUC); Prof. Msc. Moacir Feitosa (SEMED); Mediadora: Profª Drª Leoneide Brito Martins (UFMA)
13h às 14h30 - Apresentação de vídeos sobre Feminismo e Cultura do Estupro - Organização: PET/Biblioteconomia; Debatedora: Dayana Roberta Gomes (UDESC)
14h30 às 18h - Oficinas: Violência de Gênero: Como trabalhar na escola - Dra.Neuzely Almeida e Dra.Marly Dias (UEMA); Mulheres Recatadas e Mulheres Transgressoras: onde me espelho? - Grace Kelly S. Sousa/Dayana Roberta Gomes (UDESC); Como usar a internet como ferramenta de leitura e pesquisa - Mauricio Moraes e Djalda Muniz (UFMA)
BECO RIMA VIVA
Local: Escadaria do Beco Catarina Mina
18h30 às 19h30 – Recital Cordel com Moisés Nobre "Acredite se quiser" e Walbert Guimarães
CINE FELIS - MOSTRA MAVAM E GUARNICÊ 40 ANOS
Local: Casa do Maranhão
SESSÃO Cinema e Artes Plásticas: Mostra com filmes documentários que revela a história de grandes artistas maranhenses das artes visuais
14h30 às 16h "AIRTON MARINHO, PERÍCLES ROCHA E CLAUDIO COSTA" de Beto Matuck e Joaquim Haickel
SESSÃO Panorama Cinema Maranhense: Mostra com filmes de cineastas maranhenses, de várias gerações, que participaram do Festival Guarnicê de Cinema nestes 40 anos.
16h às 18h - OS DEVOTOS E O TAMBOR, de Isa Albuquerque; A VINGANÇA DAS PANTUFAS "O FILME", de Rogério Paiva Leite e Belízio Rego; O CHORO DA VIDA, de Rose Panet
CINE FELIS – MOSTRA HECTOR BABENCO
Local: Cine Praia Grande -Centro de Criatividade Odylo Costa Filho
18h – Filme "O Passado", de Hector Babenco - Baseado no romance "O Passado" de Alan Pauls e Josely Vianna Baptista.
PROGRAMAÇÃO AMEI NA FELIS
Local: Casa do Maranhão
15h – Contação de histórias: Livro "O gato que queria ser sapo", com a autora Cleo Rolim e "A princesa e o sapo", com a autora Assenção Pessoa.
16h – Bate-papo: Poesia contemporânea e Educação, com Antonio Ailton e Neurivan Sousa.
17h – Relançamento: Livro "A centelha de Eros", de Felipe Castro.
19h – Lançamento do livro "Diário de um contador de estrelas", de Hélio Bonfim.
20h – Palestra: Yeshua Há-Nazir, o Jesus histórico, com o pesquisador português soham Jñana.
PROGRAMAÇÃO DE LANÇAMENTOS – ESTANDE DA UFMA
Local: Estande da UFMA/Vila dos Livros
14h às 15h - CESAR AUGUSTUS LABRE LEMOS DE FREITA |RICARDO ZIMBRÃO AFFONSO DE PAULA | JOÃO GONSALO DE MOURA - Ensaios sobre Economia e Desenvolvimento Regional | Desenvolvimento, Território, Trabalho e Renda | O mito do Baú de Osso
15h às 16h - RAQUEL NORONHA - No coração da Praia Grande: Representações sobre a noção de patrimônio na Feira da Praia Grande
16h às 17h - DENILSON SANTOS - Artesanato no Maranhão: Práticas & Sentidos
17h às 18h - ANTONIO CORDEIRO FEITOSA - Lençóis Maranhenses
18h às 19h - FLAVIANO MENEZES - Moradas e Memórias
ESPAÇO MULHER: Programação Biblioteca Maria da Penha Maia Fernandes
Local: Casa do Maranhão
DIA 09/11 (quarta)
13h às 20h - Exposição do acervo de livros, folhetos, panfletos que retratem o histórico de conquistas da mulher, assim como seus direitos / Exposição de fotos com ações da SEMU

16h às 19h - Elaboração de poemas a partir do tema "mulher"

Postagens mais visitadas deste blog

"Arte e Manhas do Jabuti" será lançado em junho

Publicado com o selo Autêntica, será lançado em breve, em São Luís, o meu infantil Arte e Manhas do Jabuti. O livro, com recontos da tradição oral dos tenetehara, tem apresentação do escritor e pesquisador da cultura popular, Marco Haurélio, e belíssimas ilustrações de Taisa Borges.  Lembrete: para quem quiser se adiantar, o livro já se encontra em pré-venda na página da editora (http://grupoautentica.com.br/). Arte e Manhas do Jabuti conta com apoio cultural do SESC-MA.




























A menina inhame e Os dois irmãos e o olu: dois belos contos africanos em versos de cordel

Acabaram de sair pela editora SESI-SP os livros A menina inhame e Os dois irmãos e o olu, contos africanos que ganharam nessas obras versões em cordel.
A menina inhame é um conto tradicional africano recolhido e recontado por Agnès Agboton, com tradução do escritor Celso Sisto para o português. E a ideia foi unir a tradição dos versos de cordel à forte tradição africana voltada para a oralidade, manifestada com imensa beleza estética nesta história de provável origem iorubá.
O conto fala da angústia de uma mulher que desprezada pela sua comunidade por não conseguir ter filhos, pede a algo da natureza (no caso um inhame, tubérculo que em alguns países da África tem uma simbologia ancestral ligada à fertilidade) que se converta em sua filha. Assim, a fim de convencer o inhame, chamado Tevi, a atender-lhe o desejo, a mulher promete jamais revelar a verdadeira origem da moça. Mas acaba, o que gera desagradáveis consequências, quebrando a promessa num momento de raiva.
Os dois irmão e o …

O dono da banca: a história e as polêmicas por trás da maior editora de revistas do país

Da revista Veja já se disse quase tudo. Que é conservadora, reacionária, de esquerda, de direita, elitista, sem compromisso com os fatos ou com os princípios básicos do jornalismo. Enfim, um manancial de adjetivos desabonadores cuja lista aumenta sempre que a revista, com suas posições e matérias, melindra sensibilidades.  Exemplo antigo: reportagem de Veja de 1989 estampando foto do cantor e compositor Cazuza com o título: “Uma vítima da Aids agoniza em praça pública”. Exemplo recente: capa de Veja com foto de Marcela, esposa do presidente Michel Temer, chamando para reportagem sobre a primeira-dama. Para muitos, tratava-se de mais uma tentativa da revista de ajudar a atenuar a rejeição dos brasileiros em relação ao desgastado presidente.
De qualquer maneira não deixa de ser instrutivo, mesmo para os mais viscerais desafetos da principal joia da coroa da Editora Abril, a leitura de “Roberto Civita, o dono da banca”, do jornalista Carlos Maranhão. Trata-se da biografia de Roberto Civit…