sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

POSTO ONDINA DOA LIVROS AO CENTRO EDUCACIONAL ALIANÇA



As crianças da escola comunitária Centro Educacional e Assistencial Aliança, da Cidade Operária, agradecem os 180 livros infantojuvenis doados à instituição nesta quinta-feira (20), pelo empresário Cezar Kruk, (posto Ondina), através do Projeto Lê Maranhão. Entre as obras doadas estão Touchê em A invasão francesa e a fundação de São Luís, que conta a história da fundação da cidade, que completa 400 anos; O tambor do Mestre Zizinho, obra inspirada no Tambor de Crioula, uma das mais interessantes tradições afro do estado, e o cordel A lenda do Rei Sebastião e o Touro Encantado, os dois últimos publicados pela Editora Mercuryo Jovem.
O Centro Educacional Aliança foi fundado em 2003 e recebe crianças da Cidade Operária e bairros próximos. Ano passado, atendeu 181 alunos, e, justificando sua condição de escola comunitária, executa projetos que vão além da sala de aula. “Idealizamos e executamos projetos que envolvam não apenas os alunos, mas suas famílias e comunidade”, diz a diretora Ana Cristina Monteiro. A escola mantém ainda uma biblioteca com cerca de 300 títulos, acervo que, agora, será enriquecido com a nova aquisição.
A participação de Cezar Kruk, que é curitibano, no Projeto Lê Maranhão, é resultado da sua paixão pela cultura maranhense e o seu entendimento sobre a importância da leitura e do conhecimento para a formação dos nossos cidadãos. “É importante fazer os livros chegarem às mãos dessas crianças, e no nosso caso específico, livros de autores maranhenses, para que os leitores possam conhecer mais e melhor nossa história e essa cultura tão rica”, diz ele.
O projeto Lê Maranhão tem por objetivo, em sua primeira etapa, fazer chegar ao pequeno leitor de escolas comunitárias de São Luís, obras infantojuvenis que tratem da história, cultura e tradições maranhenses.
Nas fotos, Cezar Kruk comigo e com a diretora Ana Cristina.

terça-feira, 10 de janeiro de 2012


PROJETO LÊ MARANHÃO DIVULGA MARCA
O projeto Lê Maranhão, que tem por objetivo, numa primeira etapa, fazer com que livros infantojuvenis com temática maranhense cheguem às bibliotecas e escolas comunitárias de São Luís, apresenta sua marca, criada pelo diretor de arte Rogero Sousa. Em breve, mais notícias sobre o projeto.

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

CASA DO AUTOR MARANHENSE LANÇA EM BREVE O PROJETO LÊ MARANHÃO


A Casa do Autor Maranhense lança em breve o projeto Lê Maranhão, que tem por objetivo fazer chegar às mãos do maior número possível de leitores livros infantojuvenis voltados para a divulgação da cultura do estado. O projeto, que vem sendo pensado há dois anos, será oportunamente implementado neste 2012, quando São Luís completa 400 anos. A idéia é suprir escolas comunitárias, bibliotecas de bairros e outras instituições de ensino com dificuldades de acesso a esse tipo de material, de obras que falem da nossa cultura, história e tradições. Os livros serão adquiridos por empresários parceiros e pessoas físicas interessadas em contribuir para a disseminação da nossa literatura junto a esses públicos, e, posteriormente, doados às instituições. Em breve neste blog, mais notícias sobre o projeto.